Castelo de Neuschwanstein, na Alemanha: Tudo que Você precisa Saber

Ah, o Castelo de Neuschwanstein! Se já houve uma construção que parece ter sido arrancada diretamente das páginas de um conto de fadas e cuidadosamente posicionada no topo de uma montanha pitoresca, é esta magnífica obra-prima da arquitetura. Erguido em meio aos Alpes Bávaros da Alemanha, esse castelo icônico tem uma história tão intrigante quanto sua fachada é bela.

++ Os Castelos Medievais Mais Bonitos da Europa

Onde começa essa história encantada? Bem, vamos dar as boas-vindas ao palco ao nosso protagonista: o excêntrico Rei Ludwig II da Baviera. Apelidado de “Rei dos Contos de Fadas”, Ludwig II tinha uma paixão ardente por tudo o que fosse fantástico e romântico. Sob sua liderança, Neuschwanstein foi concebido como um tributo ao compositor Richard Wagner e aos épicos medievais que tanto inspiraram suas obras.

A construção do castelo começou em 1869, mas o próprio Ludwig II não viveu o suficiente para ver sua obra-prima finalizada. Falecido em 1886 sob circunstâncias misteriosas, o rei deixou um legado duradouro, mesmo que incompleto.

Mas, voltando à nossa história, seria Neuschwanstein apenas um mero acúmulo de pedras e torres? Longe disso! Este castelo foi projetado com uma atenção meticulosa aos detalhes e com todas as conveniências modernas da época, incluindo aquecimento central e telefones. Como um verdadeiro conto de fadas, o Castelo de Neuschwanstein encanta visitantes de todo o mundo com sua beleza e seu ar de mistério, sem nunca revelar todos os seus segredos.

Então, embarque conosco nesta jornada mágica e deixe-se encantar pelo Castelo de Neuschwanstein, uma maravilha arquitetônica que continua a fascinar e inspirar mesmo mais de um século após sua criação. E lembre-se, às vezes, a realidade pode ser tão fantástica quanto a ficção.

Onde fica o Castelo, exatamente?

O Castelo de Neuschwanstein está localizado no sudoeste da Baviera, na Alemanha, próximo à cidade de Füssen. Ele está situado na região dos Alpes Bávaros, próximo à fronteira com a Áustria. O castelo foi construído no topo de uma colina íngreme, proporcionando vistas deslumbrantes do vale e das montanhas ao redor. Para chegar ao castelo, os visitantes podem pegar um trem até Füssen e, em seguida, um ônibus para a vila de Hohenschwangau, que fica a uma curta distância a pé ou de carruagem até o castelo.

Quando ele foi construído?

A construção do Castelo de Neuschwanstein começou em 1869, sob o reinado do Rei Ludwig II da Baviera. Infelizmente, o rei faleceu em 1886 antes que o castelo fosse concluído. Mesmo após sua morte, a construção continuou até 1892, quando a maior parte do castelo foi considerada finalizada. No entanto, alguns projetos planejados, como uma torre de observação monumental, nunca foram realizados devido à morte prematura do rei e aos custos crescentes.

Por que o Castelo foi Construído?

O Castelo de Neuschwanstein foi construído por várias razões, mas o principal motivo foi o desejo do Rei Ludwig II da Baviera de criar um refúgio pessoal que refletisse sua admiração pela arte, música e cultura medieval. Ludwig II era um grande fã do compositor Richard Wagner e dos épicos medievais que inspiraram as obras de Wagner. Assim, o castelo foi concebido como um tributo a esses temas e ao próprio compositor.

Além disso, Ludwig II desejava construir um castelo que fosse uma representação idealizada da arquitetura medieval, mas com as conveniências e inovações tecnológicas da época. Neuschwanstein foi projetado com características como aquecimento central, água corrente e até mesmo telefones.

Outro motivo para a construção do castelo foi a afirmação do poder e status de Ludwig II como monarca. Apesar de sua posição como rei, Ludwig II tinha pouca autoridade política real devido à crescente influência da Prússia sobre a região. Portanto, a construção de um castelo tão grandioso e elaborado serviu para reafirmar sua importância e prestígio no cenário político e cultural da época.

Em suma, o Castelo de Neuschwanstein foi construído como um refúgio romântico, uma ode à arte e à cultura medieval e uma afirmação do poder e status do Rei Ludwig II.

O Castelo de Neuschwanstein realmente inspirou os castelos da Disney?

Neuschwanstein e castelos da disney

Sim, é verdade que o Castelo de Neuschwanstein serviu de inspiração para os castelos da Disney. Walt Disney visitou o castelo durante uma viagem à Europa na década de 1950 e ficou tão impressionado com sua beleza e design que decidiu usá-lo como modelo para o icônico Castelo da Cinderela no parque temático da Disneylândia, na Califórnia.

Desde então, a imagem do Castelo da Cinderela tornou-se sinônimo dos parques da Disney em todo o mundo e até mesmo do logotipo da Walt Disney Company.

Quando é a melhor época para visitar?

Quanto à melhor época para visitar o Castelo de Neuschwanstein, isso depende das preferências pessoais e do clima. Aqui estão algumas sugestões:

  1. Primavera (abril a junho): Durante a primavera, as temperaturas são mais amenas e as flores começam a desabrochar, proporcionando um belo cenário para apreciar o castelo. No entanto, pode haver chuvas ocasionais, então é bom estar preparado.
  2. Verão (julho a setembro): O verão é a época mais popular para visitar o castelo, com temperaturas mais quentes e menos chances de chuva. No entanto, isso também significa que o local estará mais lotado, e as filas e os tempos de espera podem ser mais longos.
  3. Outono (outubro a novembro): O outono oferece belas paisagens com as folhas mudando de cor e temperaturas mais frescas. Além disso, a quantidade de turistas começa a diminuir, tornando a visita ao castelo mais tranquila.
  4. Inverno (dezembro a março): Se você não se importa com o frio e a possibilidade de neve, o inverno pode ser uma época mágica para visitar o castelo, pois o local fica coberto de neve, lembrando ainda mais um conto de fadas. No entanto, esteja ciente de que algumas áreas do castelo ou trilhas próximas podem ser fechadas devido às condições climáticas.

Em resumo, a melhor época para visitar o Castelo de Neuschwanstein depende de suas preferências quanto ao clima e à quantidade de turistas. Se você não se importar com multidões, o verão é uma ótima opção, enquanto a primavera e o outono oferecem um equilíbrio entre clima agradável e menos visitantes. O inverno pode ser uma escolha encantadora para aqueles que desejam uma experiência mais “contos de fadas” e não se importam com o frio.

O que pode ser visto dentro do Castelo?

Embora o Castelo de Neuschwanstein não esteja totalmente completo, há uma série de impressionantes salas e características internas que podem ser vistas durante uma visita guiada. Algumas das áreas mais notáveis ​​dentro do castelo incluem:

Hall dos Cisnes: Esta sala multifuncional servia como sala de estar, jantar e sala de recepção. O tema dos cisnes é recorrente em todo o castelo, mas é especialmente proeminente nesta sala, onde cisnes esculpidos adornam a mobília e os detalhes arquitetônicos.

Quarto de Ludwig II: O quarto do rei é uma obra-prima de artesanato e design, com uma enorme cama de dossel esculpida, afrescos nas paredes e um teto em estuque. A cama levou quatro anos para ser concluída e é um dos destaques do quarto.

Sala do Trono: Embora nunca tenha sido usado pelo rei e não contenha um trono real, a Sala do Trono é uma das áreas mais impressionantes do castelo. Com um teto abobadado, uma plataforma elevada e afrescos representando cenas religiosas, a sala foi projetada para evocar o poder e a autoridade divina.

Sala dos Cantores: Inspirada na lendária sala dos cantores do Castelo Wartburg, esta sala foi projetada para apresentações musicais e teatrais. O rei Ludwig II planejou usar a sala para sediar performances das óperas de Wagner, mas, infelizmente, nenhuma apresentação ocorreu ali durante sua vida.

Grotto: Uma das características mais inusitadas do castelo é a gruta artificial, que era um pequeno espaço projetado para se assemelhar a uma caverna. A gruta era iluminada por luzes elétricas coloridas e incluía uma cachoeira e uma piscina.

Cozinha: A cozinha do castelo era uma maravilha da tecnologia da época, com instalações modernas para armazenamento e preparação de alimentos, bem como um sistema de ventilação avançado.

Capela: A capela de Neuschwanstein é um pequeno espaço de oração dedicado a São Luís, o santo padroeiro do rei Ludwig II.

Além dessas áreas, o castelo também possui outras salas menores e corredores adornados com afrescos e decorações inspiradas na mitologia, nas óperas de Wagner e em temas religiosos. Vale lembrar que nem todas as áreas do castelo são acessíveis ao público e que a visita é realizada apenas através de tours guiados.

Como chegar no Castelo vindo de Munique?

Para chegar ao Castelo de Neuschwanstein saindo de Munique, você pode seguir os seguintes passos:

  1. Pegar um trem: Vá até a estação central de Munique (München Hauptbahnhof) e pegue um trem regional (Regionalbahn) ou um trem expresso (Regional-Express) em direção a Füssen. A viagem de trem dura aproximadamente 2 horas e 30 minutos. Os trens geralmente partem a cada hora e você pode consultar os horários e comprar bilhetes no site da Deutsche Bahn (empresa ferroviária alemã) ou diretamente na estação.
  2. Chegar a Füssen: Ao chegar à estação de trem de Füssen, saia da estação e siga para o ponto de ônibus em frente.
  3. Pegar um ônibus: Na estação de ônibus de Füssen, procure os ônibus número 73 (em direção a Steingaden / Garmisch-Partenkirchen) ou número 78 (em direção a Schwangau). Ambos os ônibus levam você até a vila de Hohenschwangau, onde o Castelo de Neuschwanstein está localizado. O tempo de viagem de ônibus é de cerca de 10 minutos.
  4. Chegar a Hohenschwangau: Uma vez em Hohenschwangau, você pode comprar seus ingressos para o castelo no centro de bilheteria. Para chegar ao castelo, você tem três opções: subir a pé (cerca de 30-40 minutos), pegar uma carruagem puxada por cavalos (disponível por uma taxa) ou pegar um ônibus (também disponível por uma taxa).

Para facilitar sua viagem, você pode considerar a compra do bilhete “Bayern Ticket” (Bavaria Ticket), que oferece viagens ilimitadas em trens regionais, ônibus e bondes em toda a Baviera por um dia. O “Bayern Ticket” também pode ser usado nos ônibus 73 e 78 entre Füssen e Hohenschwangau. Certifique-se de verificar os preços e condições do “Bayern Ticket” no momento da sua viagem.

Lembre-se de verificar os horários dos trens e ônibus, bem como as condições climáticas, antes de planejar sua visita ao Castelo de Neuschwanstein.

Compartilhe: