O Que Fazer em Lyon, França: 18 Pontos Turísticos e Coisas Legais para Visitar

Lyon, a terceira maior cidade da França e capital da região de Auvergne-Rhône-Alpes, é um destino cativante e repleto de história, arte e cultura. Com sua rica herança que remonta à época romana, a cidade possui uma diversidade arquitetônica impressionante, com ruínas antigas, bairros da Renascença e exemplos modernos de design urbano. Além disso, Lyon é conhecida mundialmente por sua deliciosa gastronomia, que celebra a riqueza e a diversidade dos produtos locais.

Ao visitar Lyon, os turistas podem esperar uma experiência autêntica e envolvente, explorando as estreitas ruas de paralelepípedos do Vieux Lyon, descobrindo as passagens secretas das traboules e admirando a grandiosidade da Basílica de Fourvière. A cidade também é um importante centro cultural, com uma variedade de museus, galerias e teatros que atendem a todos os interesses, desde arte e história até cinema e ciência.

Os visitantes de Lyon também terão a oportunidade de saborear a famosa culinária lyonnaise em bouchons tradicionais, bem como experimentar pratos contemporâneos em restaurantes de renome internacional. Além disso, a cidade abriga uma série de eventos e festivais ao longo do ano, como o Fête des Lumières e o Festival Nuits de Fourvière, que celebram a rica tradição artística e cultural de Lyon.

Seja você um aficionado por história, um amante da arte ou um entusiasta da gastronomia, Lyon oferece algo para todos os visitantes. Com sua atmosfera vibrante, beleza arquitetônica e cênica, e uma inesgotável lista de atrações e atividades, Lyon é, sem dúvida, uma cidade imperdível no coração da França.

18. Catedral de Lyon

 Lyon Cathedral

A Catedral de Lyon, também conhecida como Catedral de São João Batista, é um marco histórico e religioso da cidade. Esta magnífica catedral gótica começou a ser construída no século XII e levou quase 300 anos para ser concluída. Ela abriga o famoso relógio astronômico, que remonta ao século XIV e é uma verdadeira obra de arte mecânica.

Além disso, a catedral possui belos vitrais e uma impressionante fachada ricamente decorada. A Catedral de Lyon também é palco do famoso “Fête des Lumières”, um festival de luzes que acontece anualmente em dezembro e atrai milhões de visitantes.

17. Bairro de Croix-Rousse

 Croix-Rousse Neighborhood

O bairro de Croix-Rousse é conhecido como “a colina que trabalha”, em contraste com a colina Fourvière, chamada de “a colina que ora”. O apelido de Croix-Rousse vem da sua história como um centro têxtil e de tecelagem durante o século XIX, onde trabalhavam muitos “canuts” – trabalhadores da indústria da seda. Hoje, o bairro é um caldeirão cultural e artístico, com ruas estreitas e íngremes, edifícios coloridos e uma atmosfera vibrante.

Aqui, você pode encontrar artistas e artesãos trabalhando em seus ateliês, bem como bares e restaurantes charmosos. Um passeio por Croix-Rousse é como uma viagem no tempo, onde você pode testemunhar a história viva de Lyon enquanto aprecia vistas panorâmicas da cidade. E não se esqueça de explorar as famosas “traboules” – passagens secretas que atravessam os edifícios e eram usadas pelos trabalhadores da seda para transportar suas mercadorias.

16. Musee Lumiere

 Musee Lumiere

O Museu Lumière é dedicado aos irmãos Lumière, Auguste e Louis, inventores do cinematógrafo e pioneiros do cinema. Localizado na antiga casa deles em Lyon, o museu exibe uma grande coleção de itens relacionados à história do cinema e à vida dos irmãos Lumière.

Além das exposições permanentes e temporárias, o museu também organiza projeções de filmes clássicos e eventos especiais. Uma visita ao Musee Lumière é como uma viagem à sétima arte e aos primórdios do cinema, então prepare-se para um passeio fascinante pelas origens desta amada forma de entretenimento.

15. Les Halles de Lyon Paul Bocuse

 Les Halles de Lyon Paul Bocuse

Les Halles de Lyon Paul Bocuse é um mercado coberto e um verdadeiro paraíso gastronômico, que leva o nome do famoso chef francês Paul Bocuse. Inaugurado em 1971 e reformado em 2006, o mercado abriga cerca de 60 comerciantes, incluindo açougues, peixarias, queijarias, padarias e confeitarias, além de bares e restaurantes.

Les Halles é um lugar ideal para saborear os melhores produtos e pratos da culinária lyonesa e francesa, além de ser um ponto de encontro popular entre os habitantes locais. Aqui você pode experimentar uma deliciosa seleção de vinhos, queijos, embutidos e pratos tradicionais, enquanto aprecia a atmosfera animada e autêntica do mercado. Bon appétit!

14. Fresque des Lyonnais

 Fresque des Lyonnais

A Fresque des Lyonnais é um enorme mural pintado em um prédio no centro de Lyon, que apresenta uma seleção de figuras históricas e contemporâneas da cidade. Com 800 metros quadrados e criado pelos artistas CitéCréation em 1995, este mural é uma das maiores e mais impressionantes pinturas murais da Europa.

Entre as personalidades retratadas, você encontrará os irmãos Lumière, o escritor Antoine de Saint-Exupéry e o chef Paul Bocuse. A fresque é um exemplo maravilhoso da arte urbana de Lyon e um convite para descobrir mais sobre as pessoas que moldaram a história da cidade. Não deixe de tirar uma selfie com seus personagens favoritos e aproveitar a oportunidade para se sentir parte da história lyonesa!

13. Musée des Confluences

 Musée des Confluences

O Musée des Confluences é um museu de ciências e antropologia localizado na confluência dos rios Ródano e Saône, em Lyon. Este museu impressiona não só pelo seu acervo, mas também pela sua arquitetura futurística e arrojada, projetada pelo escritório austríaco Coop Himmelb(l)au.

As exposições do museu abrangem temas como história natural, etnologia e ciências, com foco em narrativas de origem e destinos humanos. Com exposições interativas e engajantes, o Musée des Confluences é um excelente destino para explorar a história da humanidade, desde os primórdios até as questões contemporâneas. Um passeio que promete ser tanto educativo quanto divertido!

12. Musee des Tissus et des Arts Decoratif

 Musee des Tissus et des Arts Decoratif

Musée des Tissus et des Arts Décoratifs (Museu dos Tecidos e das Artes Decorativas): Este museu abriga uma das maiores coleções de tecidos e artes decorativas do mundo, com mais de 2,5 milhões de peças, que abrangem desde o Egito antigo até a era moderna.

Localizado em dois elegantes edifícios do século XVIII, o museu oferece uma visão única da história dos tecidos, moda e design de interiores. As exposições incluem tapeçarias, vestuário, mobiliário, porcelana e objetos de arte, todos cuidadosamente preservados e exibidos. Se você é apaixonado por moda, história ou design, o Musée des Tissus et des Arts Décoratifs é uma visita obrigatória em Lyon.

11. Musee Miniature et Cinema

 Musee Miniature et Cinema

Este museu singular, localizado no coração do Vieux Lyon, é dedicado à arte da miniatura e aos efeitos especiais cinematográficos. Criado pelo artista e miniaturista Dan Ohlmann, o museu exibe mais de 100 cenas em miniatura meticulosamente detalhadas, representando interiores e ruas urbanas de diferentes épocas e lugares.

Além disso, o museu abriga uma impressionante coleção de objetos de cinema, incluindo adereços, máscaras, figurinos e modelos utilizados em filmes famosos como Star Wars, Harry Potter e Alien. Uma visita ao Musée Miniature et Cinéma é uma experiência mágica e fascinante, onde você pode mergulhar no mundo da arte e do cinema, em escalas que vão do minúsculo ao grandioso

10. Mur des Canuts

 Mur des Canuts

O Mur des Canuts é outra impressionante pintura mural em Lyon, dedicada à história dos “canuts” – os trabalhadores da indústria da seda. Localizado no bairro de Croix-Rousse, o mural foi criado pelos artistas da CitéCréation em 1987 e é uma das maiores trompe-l’œil (ilusões de ótica) do mundo.

O mural retrata uma cena de rua típica do bairro, com personagens e edifícios que parecem tridimensionais. A arte de rua é uma parte importante da identidade cultural de Lyon, e o Mur des Canuts é um belo exemplo dessa tradição. Não se surpreenda se você tiver que olhar duas vezes para ter certeza de que é apenas uma pintura!

9. Centro de História da Resistência e Deportação

Resistance and Deportation History Centre

Este museu e centro de documentação é dedicado à memória da resistência francesa durante a ocupação nazista na Segunda Guerra Mundial e ao sofrimento daqueles que foram deportados para campos de concentração. Localizado no antigo quartel-general da Gestapo em Lyon, o centro apresenta exposições que incluem fotografias, documentos, objetos pessoais e depoimentos em vídeo.

A visita pode ser emocional e comovente, mas é uma oportunidade importante para compreender e honrar a coragem e a resistência daqueles que lutaram contra a opressão. O Centro de História da Resistência e Deportação é uma parada obrigatória para aqueles interessados na história contemporânea e um lembrete solene do passado sombrio da Europa.

8. Traboules

Traboules

7. Place Bellecour

Place Bellecour

A Place Bellecour é a maior praça pública de Lyon e uma das maiores da Europa. Localizada no coração da cidade, entre o Ródano e o Saône, a praça é cercada por elegantes edifícios do século XVIII e é o ponto de partida para muitas das principais ruas comerciais de Lyon.

No centro da praça, você encontrará uma estátua equestre do rei Luís XIV e, nas proximidades, uma estátua do autor lyonnais Antoine de Saint-Exupéry ao lado de seu personagem mais famoso, O Pequeno Príncipe. A Place Bellecour também é um local popular para eventos e festivais, como o Fête des Lumières e a Feira do Livro de Lyon. Ao visitar a praça, não deixe de apreciar as belas vistas da Basílica de Fourvière e da colina que a rodeia.

6. Teatro Romano de Fourvière

Roman Theatre of Fourviere

O Teatro Romano de Fourvière é um antigo teatro romano construído por volta de 15 a.C., localizado na colina de Fourvière, com vista para a cidade de Lyon. É o teatro romano mais antigo da França e tem capacidade para até 10.000 espectadores. Ao lado do teatro, você também encontrará o Odeon de Lyon, uma estrutura menor usada para apresentações musicais.

O local é um testemunho impressionante do passado romano de Lyon, conhecida como Lugdunum naquela época. Durante o verão, o teatro ainda é usado para apresentações e eventos, como o Festival Nuits de Fourvière, que apresenta música, teatro e dança. Uma visita ao Teatro Romano de Fourvière é uma chance de vivenciar a rica história de Lyon e desfrutar de um cenário incrível.

5. Museu de Belas Artes de Lyon

Musee des Beaux-Arts de Lyon

O Musée des Beaux-Arts de Lyon é um dos maiores e mais importantes museus de arte da França, localizado no Palais Saint-Pierre, um antigo convento beneditino do século XVII. O museu possui uma coleção excepcional de arte, que abrange desde a antiguidade até a arte contemporânea. Algumas das obras-primas em exibição incluem pinturas de artistas famosos como Ticiano, Rembrandt, Rubens, Monet e Matisse, bem como esculturas, artefatos egípcios e antiguidades gregas e romanas.

O Musée des Beaux-Arts também possui um tranquilo jardim de esculturas, onde você pode relaxar após explorar as galerias. Para os amantes da arte e da história, este museu é imperdível durante a visita a Lyon.

4. Place des Terreaux

Place des Terreaux

A Place des Terreaux é uma praça histórica no centro de Lyon, situada entre o Hôtel de Ville (Câmara Municipal) e o Musée des Beaux-Arts. A praça é famosa pela Fontaine Bartholdi, uma fonte monumental projetada pelo escultor Frédéric Auguste Bartholdi, que também criou a Estátua da Liberdade.

A fonte representa quatro cavalos que puxam um carro representando o rio Garonne, simbolizando os quatro principais rios da França. A Place des Terreaux é um local de encontro popular e um ótimo lugar para apreciar a arquitetura histórica de Lyon. Não se esqueça de dar uma paradinha em um dos charmosos cafés ao redor da praça e apreciar a atmosfera vibrante da cidade.

3. Parc de la Tete d’Or

Parc de la Tete d’Or

O Parc de la Tête d’Or é um vasto parque urbano de 117 hectares, localizado no 6º arrondissement de Lyon. Inaugurado em 1857, o parque é um refúgio verde no coração da cidade e oferece uma variedade de atividades e atrações para todas as idades. O parque abriga um zoológico gratuito, um jardim botânico com mais de 20.000 espécies de plantas, um lago onde você pode alugar barcos a remo, e várias áreas de lazer e esportes.

A origem do nome “Tête d’Or” (Cabeça de Ouro) vem de uma lenda local que diz que um tesouro com uma cabeça de Cristo em ouro está enterrado em algum lugar do parque. Passear pelo Parc de la Tête d’Or é uma forma maravilhosa de relaxar, desfrutar da natureza e fazer um piquenique com amigos ou familiares durante sua visita a Lyon.

2. Fourviere Basilica

Fourviere Basilica

A Basílica de Fourvière, também conhecida como Basílica de Notre-Dame de Fourvière, é um dos marcos mais emblemáticos de Lyon. Situada no topo da colina de Fourvière, a basílica domina o horizonte da cidade e oferece vistas panorâmicas deslumbrantes de Lyon e seus arredores. Construída entre 1872 e 1884 em estilo neo-bizantino e neo-românico, a basílica foi dedicada à Virgem Maria, padroeira de Lyon, como agradecimento por ter protegido a cidade durante a guerra franco-prussiana.

A Basílica de Fourvière é famosa por sua arquitetura impressionante e detalhes intricados, tanto em seu exterior quanto em seu interior. No interior, você encontrará belos mosaicos, vitrais e pinturas, além de uma cripta dedicada a São José. Durante a noite, a basílica é iluminada, criando um espetáculo deslumbrante que pode ser visto de longe.

Para chegar à Basílica de Fourvière, você pode pegar o funicular a partir do Vieux Lyon ou, se estiver se sentindo enérgico, subir a colina a pé. Aproveite para visitar também as ruínas romanas próximas, como o Teatro Romano de Fourvière e o Odeon. A visita à Basílica de Fourvière é uma experiência inspiradora e uma oportunidade para apreciar a rica herança cultural e religiosa de Lyon

1. Vieux Lyon

Vieux Lyon

Vieux Lyon é o coração histórico de Lyon e uma das maiores áreas de preservação da Renascença na Europa. Localizado entre os rios Saône e Fourvière, o bairro abrange três distritos: Saint-Paul, Saint-Jean e Saint-Georges. Vieux Lyon é famoso por suas ruas estreitas e sinuosas, pátios escondidos e traboules (passagens secretas), que remontam à época romana e medieval.

O bairro é caracterizado por sua arquitetura distinta, com casas e edifícios de cores vivas que apresentam fachadas de madeira e pedra, janelas ornamentadas e telhados íngremes. Algumas das principais atrações do Vieux Lyon incluem a Catedral de Saint-Jean, que abriga o famoso relógio astronômico do século XIV, e o Palais de Justice, um imponente edifício do século XIX.

Vieux Lyon também é um ótimo lugar para experimentar a famosa gastronomia lyonnaise. Você encontrará uma grande variedade de restaurantes e bouchons, estabelecimentos típicos de Lyon que servem pratos locais deliciosos, como quenelles, salade lyonnaise e andouillette. Além disso, não deixe de visitar as lojas de artesanato e boutiques que vendem produtos típicos da região, como seda, cerâmica e chocolates.

Passear pelas ruas de paralelepípedos do Vieux Lyon é uma viagem no tempo, proporcionando uma visão única da história e da cultura desta bela cidade.

Quantos dias para Conhecer Lyon?

A quantidade de tempo ideal para conhecer Lyon pode variar dependendo dos interesses e preferências pessoais de cada visitante. No entanto, em geral, recomenda-se passar pelo menos 3 a 4 dias na cidade para ter uma experiência abrangente e explorar seus principais pontos turísticos e atrações.

Em 3 a 4 dias, você poderá visitar os principais bairros como Vieux Lyon, Croix-Rousse e Presqu’île, conhecer alguns dos museus e monumentos históricos mais importantes, como a Basílica de Fourvière e o Museu de Belas Artes, e experimentar a deliciosa culinária local em bouchons tradicionais.

Se você tiver mais tempo disponível, pode ficar em Lyon por uma semana ou mais para explorar a cidade com mais profundidade, visitar atrações menos conhecidas, participar de eventos culturais e até fazer passeios de um dia a destinos próximos, como a região vinícola de Beaujolais ou a cidade de Pérouges.

Independentemente da duração da sua estadia, é importante planejar seu itinerário com antecedência e priorizar as atividades e pontos turísticos que mais lhe interessam, a fim de aproveitar ao máximo sua visita a Lyon.

Compartilhe: