Os 10 Mais Famosos Templos Gregos Antigos

Os templos gregos antigos são monumentos arquitetônicos que representam a riqueza cultural e a herança histórica da Grécia Antiga. Eles serviam como locais de adoração e celebração, onde os antigos gregos honravam seus deuses e deusas, realizavam rituais religiosos e ofereciam sacrifícios. Além de sua importância espiritual, os templos gregos também são tesouros artísticos e arquitetônicos que continuam a inspirar e encantar visitantes de todo o mundo.

Construídos entre os séculos VIII e II a.C., os templos gregos são caracterizados por sua arquitetura distinta, com colunas imponentes, frontões esculpidos e capitéis ornamentados. Entre os estilos arquitetônicos mais conhecidos estão o dórico, o jônico e o coríntio, cada um com suas próprias características e detalhes decorativos.

++ 41 Ilhas Gregas para Visitar

Abaixo exploramos dez dos mais famosos templos gregos antigos, incluindo o Templo de Zeus do Olimpo, o Templo de Poseidon em Sounion e o Parthenon. Esses templos representam o apogeu da arte, da arquitetura e da engenharia da Grécia Antiga, e continuam a ser uma fonte de inspiração e admiração até os dias de hoje.

10. Templo de Zeus Olímpico

 Temple of Olympian Zeus

Localizado na cidade de Atenas, o Templo de Zeus Olímpico é um dos maiores e mais importantes templos da Grécia Antiga. Iniciada em 515 a.C. e concluída quase 700 anos depois, em 132 d.C., a construção do templo foi marcada por vários contratempos e atrasos. Este templo dórico colossal foi dedicado a Zeus, o deus supremo do panteão grego.

Com 104 colunas de mármore no total, apenas 15 permanecem de pé hoje em dia. Uma das características mais impressionantes do templo é a gigantesca estátua de Zeus, feita de marfim e ouro, que já esteve abrigada no interior do templo.

9. Templo de Poseidon em Sounion

Temple of Poseidon at Sounion

Situado no cabo Sounion, ao sul de Atenas, o Templo de Poseidon oferece uma vista espetacular do mar Egeu. Construído no século V a.C., este templo jônico foi dedicado a Poseidon, o deus do mar na mitologia grega.

O templo é composto por 16 colunas jônicas, algumas das quais ainda estão de pé, e o local era um ponto de parada importante para os antigos marinheiros gregos que buscavam proteção e bênçãos de Poseidon antes de embarcarem em suas viagens pelo mar. O pôr do sol no Templo de Poseidon é especialmente notável, atraindo muitos visitantes para apreciar a beleza do local.

8. Templo de Zeus em Cyrene

Temple of Zeus at Cyrene

Cirene, uma antiga cidade grega localizada no atual território da Líbia, era uma próspera colônia fundada por colonos da ilha de Thera no século VII a.C. O Templo de Zeus em Cirene, construído por volta de 500 a.C., é um dos mais impressionantes e bem preservados templos dóricos fora da Grécia.

Dedicado a Zeus, o templo foi ampliado e remodelado ao longo dos séculos, alcançando seu auge durante o período romano. Hoje, o templo é conhecido por suas enormes colunas dóricas e sua incrível plataforma elevada, chamada de crepidoma, que compreende três degraus que circundam o templo.

7. Erechtheum

Erechtheum

O Erechtheum é um templo grego antigo situado na Acrópole de Atenas, construído entre 421 e 406 a.C. Este templo jônico é conhecido por sua arquitetura única e complexa, que inclui várias seções e santuários dedicados a diferentes divindades e heróis gregos, como Atena, Poseidon e Erecteu.

Uma das características mais icônicas do Erechtheum é a Porch of the Caryatids, um pórtico sustentado por seis esculturas femininas em vez de colunas tradicionais. Essas esculturas, conhecidas como cariátides, são réplicas das originais, que agora estão preservadas no Museu da Acrópole.

6. Templo de Apollo Epicurius

Temple of Apollo Epicurius

Localizado na região montanhosa de Bassae, no Peloponeso, o Templo de Apollo Epicurius foi construído no século V a.C. e é um dos templos gregos antigos mais bem preservados. Este templo dórico, dedicado a Apolo, o deus da luz, da música e da cura, apresenta uma rara combinação de elementos arquitetônicos dóricos, jônicos e coríntios.

A planta do templo é notável por sua orientação norte-sul, ao contrário da orientação leste-oeste mais comum nos templos gregos. O local é considerado Patrimônio Mundial da UNESCO desde 1986.

5. Templo Dorico de Segesta

Doric Temple of Segesta

O Templo Dórico de Segesta está situado na antiga cidade de Segesta, na Sicília, Itália. Construído no final do século V a.C., este templo dórico bem preservado é cercado por uma paisagem pitoresca de colinas e vales. Embora nunca tenha sido concluído, o templo possui 36 colunas imponentes, que ainda estão de pé.

O Templo de Segesta é notável por sua arquitetura dórica clássica e por ser um dos poucos templos gregos antigos que não apresentam entablamento ou cella, o que sugere que o templo nunca foi realmente utilizado para adoração.

4. Paestum

Paestum

Paestum é um sítio arqueológico localizado na região da Campânia, na Itália, que abriga três magníficos templos gregos antigos. Fundada no século VI a.C. pelos gregos como uma colônia chamada Poseidonia, a cidade passou para o controle dos romanos no século III a.C.

Os três templos de Paestum – o Templo de Hera (também conhecido como Basílica), o Templo de Netuno (ou Templo de Hera II) e o Templo de Ceres (originalmente dedicado a Atena) – são exemplos impressionantes da arquitetura dórica. O Templo de Netuno é particularmente notável por ser um dos templos dóricos mais bem preservados do mundo, com quase todas as suas colunas ainda intactas.

3. Templo de Hephaestus

Temple of Hephaestus

O Templo de Hefesto, também conhecido como Hefesteion, está localizado no Agora Antiga de Atenas, a noroeste da Acrópole. Construído entre 449 e 415 a.C., este templo dórico é dedicado a Hefesto, o deus grego do fogo e da metalurgia. Graças à sua excelente preservação, o Templo de Hefesto é considerado um dos melhores exemplos de templos gregos antigos. O templo é composto por 34 colunas dóricas e apresenta frisos finamente esculpidos que retratam a lenda de Teseu e os doze trabalhos de Hércules.

2. Vale dos Templos

Valley of the Temples

O Vale dos Templos é um sítio arqueológico localizado em Agrigento, na Sicília, Itália, que abriga os restos de uma antiga cidade grega chamada Akragas. Fundada no século VI a.C., a cidade se tornou uma das maiores e mais prósperas colônias gregas no Mediterrâneo.

O Vale dos Templos possui uma série de templos dóricos bem preservados, incluindo o Templo de Hera, o Templo da Concórdia, o Templo de Hércules e o Templo de Zeus Olímpico. O Templo da Concórdia é particularmente notável por ser um dos templos dóricos mais bem preservados do mundo, com quase todas as suas colunas ainda intactas. O Vale dos Templos é um Patrimônio Mundial da UNESCO desde 1997.

1. Parthenon

Parthenon

O Parthenon é, sem dúvida, o mais icônico e famoso templo grego antigo. Localizado na Acrópole de Atenas, este magnífico templo dórico foi construído entre 447 e 432 a.C. durante o governo de Péricles. Dedicado à deusa Atena, padroeira da cidade de Atenas, o Parthenon é considerado o auge da arquitetura grega clássica e um símbolo duradouro da democracia ateniense.

Projetado pelos arquitetos Ictinos e Calícrates e com esculturas de Fídias, o Parthenon apresenta refinamentos arquitetônicos, como o entasis nas colunas e a curvatura sutil das linhas horizontais, que criam uma impressão de harmonia e perfeição. Além disso, o templo abrigava a famosa estátua de Atena Parthenos, feita de marfim e ouro, que foi criada pelo próprio Fídias.

Ao longo dos séculos, o Parthenon sofreu danos significativos e várias transformações, incluindo a conversão em uma igreja cristã e, posteriormente, em uma mesquita otomana. Hoje, apesar de seu estado parcialmente arruinado, o Parthenon continua sendo uma atração turística imperdível e um testemunho impressionante do legado cultural e histórico da Grécia Antiga.

Compartilhe: